Prepare-se para visitar o stand da Medicina Direta no Congresso da SBD.

Reserve um tempo em sua agenda, durante o Congresso da SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) para nos visitar. Isso é uma dica importante, afinal, não estamos apenas fazendo a promoção do melhor sistema de prontuário eletrônico e gerenciamento clínico do Brasil, estaremos apresentando oficialmente, a nova versão de nosso sistema, o Medicina Direta V3!

Não estamos apenas mudando o layout de nosso sistema, estamos aprimorando e agregando novas funcionalidades que irão tornar o Medicina Direta o melhor e mais completo sistema para médicos, clinicas e consultórios médicos.

Alem de oferecer aos usuários um módulo de certificação digital, no qual o próprio médico terá a facilidade de assinar digitalmente todas as suas atividades, pedidos para autorização de convênios, pedidos de exames laboratoriais, acesso aos exames de seus clientes, tudo com a facilidade e a segurança do certificado digital, integrado diretamente ao seu sistema de prontuários, é inovação com qualidade e segurança!

Fora as dezenas de melhorias que alcançamos em nosso novo sistema, a versão 3.0 já é certificada e homologada pelo CFM (Conselho Federal de Medicina), com aprovação em 100% dos requisitos.

Considerada por autoridades em informática da área médica como um sistema revolucionário para clínicas, a Medicina Direta Versão 3.0 inaugura um novo padrão de softwares no campo da saúde. A certificação concedida é a NGS-2, que contempla a categoria máxima e mais exigente por parte do CFM.

Não perca a chance de se atualizar, vindo ao Congresso da SBD, que em 2017 ocorre em Porto Alegre, RS, no Centro de Convenções FIERGS, reserve pelo menos 2 horas para se atualizar sobre as novidades que estamos trazendo ao mercado Brasileiro de Clínicas e Consultórios!

5 dicas para organizar a gestão de clínica em 2016

Viajar, estudar e levar uma vida mais saudável são apenas algumas das promessas que as pessoas costumam fazer no início do ano.

Criar uma lista de resoluções com desejos e compromissos já faz parte do imaginário popular, mas pode ser muito útil para médicos em 2016.

Quando o assunto é gestão de clínicas e consultórios, a grande maioria dos profissionais de saúde fica apenas na vontade de melhorar a administração de seus locais de trabalho. Porém, com ajuda da tecnologia, é possível avançar nesta questão. Confira uma lista com dicas para otimizar a gestão em 2016:

1. Use a tecnologia à seu favor: Com o mundo cada vez mais conectado, é imprescindível que o médico também esteja. O prontuário eletrônico já é uma realidade e se transformou na principal ferramenta de gestão para clínicas e consultórios. Afinal, uma mesma solução digital permite, entre outras situações, visualizar o histórico de um paciente, controlar pagamentos e recebimentos e até realizar o agendamento online de consultas.

2. Cuide de seus e-mails: Ninguém gosta de receber e responder muitos e-mails, mas este recurso permite ao profissional de saúde estreitar o relacionamento com seus pacientes e fornecedores, evitando desgaste. O bom gerenciamento do e-mail permite confirmar a consulta com um dia de antecedência e confirmar pedidos e pagamentos.

3. Tenha ferramentas de controle financeiro: Cuidar das finanças é um item básico para qualquer empresa. Porém, médicos não são formados em Administração e acabam escorregando justamente nesta questão: Muitos profissionais nem sabem quanto têm direito a receber de convênios, por exemplo. Aqui, o ideal é recorrer novamente à tecnologia para não se perder nos custos e recebimentos.

4. Otimize o espaço físico: Aproveite o novo ano para dar adeus aos arquivos e papéis acumulados dos últimos anos. O crescimento do cloud computing permite que os médicos virtualizem seus documentos e joguem tudo para a nuvem. Dessa forma, o acesso estará sempre a um clique de qualquer computador com acesso à Internet e o consultório ganha um espaço maior para melhorar o atendimento ao paciente.

5. Integre os profissionais: Por fim, a boa gestão de uma clínica ou consultório passa pela união de todos os profissionais que trabalham no local, como médicos, enfermeiros e secretárias. Com uma comunicação rápida entre todos e a definição clara do papel de cada um, há uma maior sinergia e eficiência no cotidiano.