Conheça mais sobre a famosa Crioterapia! – Medicina Esportiva

A crioterapia (aplicação de gelo), diminui o edema, a inflamação e a dor (por inibição dos nociceptores) pela redução do metabolismo dos tecidos lesados. Estes fatores servem para o decréscimo do espasmo muscular e do posterior dano dos tecidos.

Na imagem, o jogador de futebol Hulk realiza este tipo de tratamento após um importante jogo.

A crioterapia pode também ser combinada com compressão e elevação para tratar o edema. Deve ser aplicada à área entre 10-15 minutos, em intervalos de 2 horas.

Também há sacos de gelo instantâneo (o frio depende de uma reação química que ocorre quando os seus componentes entram em contato). Os sacos são por norma mantidos à temperatura ambiente. Este tipo de crioterapia, permite moldar bem a região a tratar, sendo que o tempo de tratamento é o mesmo.